segunda-feira, novembro 28, 2005

Sexo seguro, com Florbela Espanca brincando a sério


Se me possuísses hoje à tardinha
Numa hora de mágicos amassos
Quando a tua vontade se avizinha
E a minha pra ti corre em largos passos

Quando me lembra: esse sabor que tinha,
Tuti-fruti ou látex sem melaços.
Ter, perto, sempre mais uma caixinha
No hotel ou numa cama de sargaços

Quero amar-te e ter-te perdidamente
Ser tua, em tua torre de marfim
Perder-me em alvos lençóis de cetim

Mas encontrar-me segura entre a gente,
Protegida dum mal que se não sente,
Nem se vê, mas pode ficar em mim…


Foto: Jan Saudek

8 Comments:

Anonymous Lolaviola said...

levemente familiar... :-)**

10:29 da tarde  
Anonymous hirondelle said...

Está fantástica a ideia...Também anda lá pelo meu cantinho esta foto do saudek,forte expressiva.Obrigada, pela tua visita,desde essa altura q te descobri e q cá venho que me encanto com o teu blogue.Sei q venho c algum atraso(de meses...mas cd um tem o seu ritmo e o meu é assim um bocadinho...lerdo :o))mas venho e voltarei.parabéns.bjo

12:14 da tarde  
Blogger lena said...

que bela volta deste ao poema de Florbela, com uma excelente mensagem

parabéns

e continuo a gostar de te ler

beijinhos

12:55 da tarde  
Blogger dulce said...

Lindo :-)) Mesmo com um sorriso a bailar-me nos lábios!
Beijos.

2:11 da tarde  
Blogger vero said...

Bem Billy, este poema está demais!!! LOOL...

Beijinhos***

5:02 da tarde  
Blogger I'mNesic said...

O original é bom....mas este está ainda melhor! Parabéns*

11:26 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Excellent, love it! » » »

1:02 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

What a great site video editing programs

5:53 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

Who Links Here Technorati Profile